POLÍCIA

Julgamento dos acusados do crime contra Kelly Cadamuro

03 11 2017kellycadamuro

16 maio, 2018

Está acontecendo hoje a audiência de instrução de Jonathan Pereira do Prado, Wander Luís Cunha e Daniel Teodoro da Silva, acusados de latrocínio e roubo seguido de assassinato da jovem Kelly Cadamuro, em 1º de novembro de 2017, em Frutal. Kelly foi assassinada após dar carona para Jonathan, numa viagem de São José do Rio Preto (SP) a Itapagipe (MG). Depois de matar a jovem, às margens do Ribeirão Marimbondo, em Frutal, o acusado voltou com o carro da vítima e foi identificado por câmeras em posto de pedágio. Daniel e Wander são acusados de terem ajudado Jonathan e também pelo crime de receptação por ficarem com parte dos pertences do carro de Kelly. Além do latrocínio, Jonathan é acusado de estupro da vítima, que foi encontrada sem sua calça. O réu assume ter roubado e matado a jovem, mas nega o crime sexual.

O Advogado  Márcio Roberto Ferrari que atua na defesa de Wander Luiz cunha concedeu entrevista a repórter Fernanda Montalvão na manhã de hoje, e relatou o que será apresentado na audiência.